cymbal rush

tudo isso é reversível,
mas até onde vai a sua covardia?
até que determinado momento você decide realmente se afogar no que lhe faz mal
apenas por ser covarde?

me questiono se efetivamente é covardia, porque até nisto consigo ver um certo valor.
comodismo? preguiça? babaquice?
não sei exatamente o nome
e até penso que talvez não precise.

ouvi um breque extenso se arrastar pelo tempo, vi na faixa de pedestres um risco preto atravessado, e de pé a frente do carro, uma moça:

-você quase me matou!
-depende do ponto de vista – o motorista respondeu.

Anúncios
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Comenta aí, mano!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s